Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




chocadas mamãs?

por M.J., em 21.10.16

E o cliente não se ficou por aqui. Alegou, ainda, que é por a mulher trabalhar que o seu marido sentirá a necessidade “de procurar outras mulheres” e que o facto de não estar em casa está a afectar a sua “maternidade” e a destruir “o conceito de família americana”.

 

não estejam.

não é muito diferente dos vossos fundamentalismos:

a) mãe que não amamenta não é boa mãe.

b) mãe que dá dois pares de estalos no filho não é boa mãe.

c) mãe que não acompanha os filhos no estudo não é boa mãe.

 

tudo isso num blog muito da moda.

o cheiro é exatamente o mesmo. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:37


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Teresa Almeida a 21.10.2016 às 09:56

Fui péssima Mãe, pelos vistos, excepto no quesito amamentação, que fui assim-assim...

Os pequenos levaram umas lamparinas quando foram precisas e não me arrependo (e eles, hoje adultos, agradecem)

No estudo, ajudei quando e enquanto me foi possível, sem stress. Mas lembro uma reunião de Pais na escola da minha filha, 7º ano, onde os professores entendiam que era obrigação dos Pais ajudar os filhos nos estudos; uma das Mães levantou-se,muito serene e perguntou como podia cancelar a matrícula do filho sem que a polícia lhe aparecesse em casa, já que ela era analfabeta e o marido, pedreiro, só tinha a 3ª classe...Já que os professores, pagos para isso, não podiam ensinar o filho, não eram os Pais, com a falta de habilitações que tinham que o iam fazer!
Foi um silêncio aterrador, da parte daqueles «ensinadores»...

No meio desta lenga-lenga, acabei por ser «boa esposa»: fiquei em casa quando nasceu o terceiro, que a empresa faliu e os colégios/infantários (já) eram tão caros, que levavam um ordenado inteiro, não compensava. Mas foi uma opção de que sempre me arrependi
Imagem de perfil

De Clara a 21.10.2016 às 11:50

Teresa, acho que vou levar esse exemplo que deu para, no futuro, usar se for necessário. Custa-me (imenso) perceber esta exigência cada vez maior de chamar os pais às aprendizagens dos filhos. Às tantas, há pais a estudar para poder ensinar aos filhos. Há filhos a chorar porque querem brincar e não fazer a porcaria dos tpc... Pronto, já estou a ficar com urticária.
Tenho 2 que vão chegar à idade escolar e aí é que vão ser elas...
Imagem de perfil

De Olívia a 21.10.2016 às 10:06

Eu ia comentar, mas fico por aqui.
Caladinha.
Sem imagem de perfil

De Sofia Marques a 21.10.2016 às 10:38

É tudo a mesma coisa. São fundamentalismos e é tudo igual.
Sem imagem de perfil

De Alexandra Martins a 21.10.2016 às 11:40

Epah, eu já ouvi isto: "As mães que não amamentam são como aquela da Madeira que vendeu o filho. Deviam ser proibidas de ter filhos!"
E isto supostamente num grupo de facebook de "apoio às mamãs" onde todas eram muito "queridas" umas para as outras. Mas como a minha ideia era diferente das delas já podiam insultar e apedrejar virtualmente... Bem, foi remédio santo, saí do grupo e nunca mais aderi a nenhum. Felizmente vivo rodeada de pessoas reais que me dão todo o apoio que preciso e não sinto cá falta de grupos de facebook ou de blogues da moda para me dizerem como devo educar o meu filho.
Mas sim, os fundamentalismos são péssimos. É que todos temos telhados de vidro!
Sem imagem de perfil

De cb a 21.10.2016 às 12:18

sim...cheira a merda de facto :):) há gente e pessoas...infelizmente há cada vez mais gente e como eu odeio isso....

Comentar post



foto do autor