Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




da arte

por M.J., em 29.07.14

há um senhor em obras mesmo por baixo da minha janela. enfia um berbequim num metal qualquer e todo o prédio parece ruir. estou desconcentrada desde que aqui cheguei. não me saem raciocínios lógicos. não sei trabalhar com um ruído daqueles a entrar-me via cérebro.

há bocado parou. suspirei de alivio. começou a assobiar quase em momento contínuo. assobiava com garra josé cid, com o seu "na cabana". com trinados e tudo.

quase fiquei comovida.

quando me debrucei da janela para ver a alma que assim lançava arte em bico, o senhor estava de gatas, cu ao ar, com as calças quase a cair e meio rego à mostra.

 

queria muito fazer arte aqui.

mas só me acontecem destas coisas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:05