Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




do conselho #1

por M.J., em 24.09.14


O conselho que te peço é o seguinte: Imagina que tinhas na tua vida um gajo que é um mentiroso crónico, capaz de dizer que está a chover quando está sol só porque a mentira lhe corre nas veias, e que quase todos os dias acorda com vontade de te magoar só porque toda a gente é uma querida que tem que ser tratada com mel e baba a rodos mas tu és a pessoa pela qual qualquer filho e filha da puta pode passar por cima, e que te faz desconfiar de tudo e todos?
O que achas tu que seria preciso tu fazeres para essa pessoa esquecer que tu existes? 

Pergunta extra: Se os teus serviços estão ao dispor para sempre, como é possível estares aqui apenas hoje?

 

 

cara qualquer coisa.

tendo em conta este singelo e-mail estou em crer que deves ser tu a esquece-lo. sei lá, por exemplo, acordares todas as manhãs e decidires não pensar no homem. pensar em chocolates, por exemplo. ou em mantas com mangas. ou em chás quentes...

qualquer coisa, menos nele.

tenho a certeza que se o tirares da tua vida, ele tem de sair.

caso contrário, procura a GNR. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:12


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 24.09.2014 às 21:35

Não percebi bem o conselho...
Queres dizer que, se eu ignorar e fizer de conta que ele não existe, ele percebe a mensagem e esquece-me ou estás a dizer "desiste, ele nunca vai parar de fazer o que faz, logo tens que seguir e fazer de conta que ele não existe e isso é o mais próximo que estarás de ele sair da tua vida?"
Imagem de perfil

De M.J. a 25.09.2014 às 09:51

ambas as opções que adiantaste devem atingir o resultado.
mas atenção: se o homem for stalker chama a policia. comportamentos desses foram agora criminalizados com pena de prisão
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.09.2014 às 11:14

Thank you very much!
Stalker não. Ainda há pouco tempo, estava a falar com uma pessoa sobre ele e essa pessoa disse-me a opinião que sempre tinha tido dele e que agora se verificava verdade e essa pessoa pediu-me que não comentasse essa opinião com ele porque era provável que eles se cruzassem e ele ainda a confrontasse com isso. Não que essa pessoa se importasse mas seria ima situação desagradável. E a minha reacção quando essa pessoa me disse isso foi rir-me às gargalhadas e dizer-lhe que ele nunca teria coragem para confrontar quem quer que fosse :D
Não, stalker não é. Não é mais do que aquilo que referi no email. Vou acreditar que o teu conselho basta.

Comentar post



foto do autor