Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




do ser

por M.J., em 18.03.15

consigo sentir a dor de que fui feita um dia. a dor que eu era. o corte na pele, a ausência de sono, a desnecessidade de comer. a falta de qualquer perspectiva, objectivo, clareza ou racionalidade.

consigo sentir o medo a correr-me pela pele, como minúsculos choques eléctricos. consigo sentir a angústia, o desespero em falta de palavras.

consigo sentir-me no que era.

estranhamente não me consigo sentir no que sou.

 

tem dias que sei que só sei ser trevas.

e quando não as sou simplesmente não sou.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:50


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Lady Kina a 18.03.2015 às 21:29

Ah, esta música... sabes que o original é dos NIN? que após ouvirem esta versão, consideraram ser acertado prescindir dos direitos de autor? ...
Compreendo-te, embora não te subscreva. Já não sou quem fui mas também não sei ser quem sou... já não tenho raízes.
Imagem de perfil

De M.J. a 19.03.2015 às 14:13

não sabia desses factos. sou apaixonada pela musica assim como pelo cash.

ser quem se é dá uma carga de trabalho.
Imagem de perfil

De (des)Esperança a 19.03.2015 às 15:10

e mesmo assim, não te quereria de outra forma! não conheço ninguém que seja tão fiel a si própria como tu...
Imagem de perfil

De M.J. a 19.03.2015 às 17:57

olha que não... não pudemos ser fieis aquilo que não sabemos.

Comentar post



foto do autor