Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




com três notas importantes acerca do assunto do dia:

 

* há mães tão boas, com tanto sentimento, com tanta sabedoria, com tanto amor maternal que insistem em achincalhar aquelas que não podendo (ou não querendo) ser mães (assim, escritinho, preto no branco) são frustradas.

é tão pequenino como a outra que achincalha o pai morto de alguém. 

 

* há mulheres tão boas que não têm pejo em assumir que uma mãe com depressão pós parto é uma porcaria de mãe.

 

*e há tolas como eu que ainda se incomodam em tentar perceber o que vai na mente de gente tão obtusa.

com mil demónios! 

isto é do calor, só pode!

mas que consumição. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:23


16 comentários

Sem imagem de perfil

De Cristina a 05.07.2016 às 17:08

isto desde que acabaste com o copo de tinto só porque já é verão ficou sem estribeiras. como as frases sem vírgulas. :-)
Imagem de perfil

De M.J. a 05.07.2016 às 17:10

tenho de voltar a servir vinhaça, rissóis e pataniscas e deixar-me destas coisas.
lixa-me a saúde e quero ver quem é que vai abrir a tasca se eu bater a bota.
Sem imagem de perfil

De Cristina a 05.07.2016 às 17:18

olha agora é que falaste bem! liga a ventarola e bebe um iced tea ;-)
Imagem de perfil

De M.J. a 05.07.2016 às 17:23

tem muito acúçar.
só "auga".
Sem imagem de perfil

De Cristina a 05.07.2016 às 17:36

Imagem de perfil

De A Caracol a 05.07.2016 às 18:29

Também pasmei com a primeira. Caramba, que até se me falham as letras para alinhavar descrição!
Imagem de perfil

De M.J. a 05.07.2016 às 18:30

não tem descrição possível.
nem vale a pena.
eu é que estava toda histérica e afogueada com outras andanças e vai de servir cerveja sem estar em mim. este tipo de posts, como o que acabei por fazer, só alimentam tristezas alheias.
eu devia saber melhor mas enfim, às vezes lá me escapa.
Imagem de perfil

De A Caracol a 05.07.2016 às 18:46

Acabo de pasmar com a segunda.

Caramba, isto hoje foi animado!
Imagem de perfil

De M.J. a 05.07.2016 às 18:46

eu disse. foi um dia como há muito este tasco não tinha!
Imagem de perfil

De A Caracol a 05.07.2016 às 18:48

De que te serviria ter um se não pudesses despejar nele o que te arrelia?
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 06.07.2016 às 09:41

Não consigo encontrar a primeira. E já li e reli os comentários todinhos.
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 06.07.2016 às 11:46

Êmedjay, para tudo!
Nunca tinha ouvido, lido, parado em certas esquinas até que, por mero acaso (não tão acaso assim), percebi alguns dos fuzués da "blogosférica" e dei-me com o que achava que encontraria nos comentários ao teu post de ontem. Isto está uma salganhada porque eu ainda estou sem pulsação, tipo viola acústica e a precisar de ser ligada à ficha.
Será do calor? Eu não posso acreditar que há camelos fora do deserto...
Imagem de perfil

De M.J. a 06.07.2016 às 11:51

não sei, pode ser.

sei que sou parva ao escarafunchar o lixo.
devia saber melhor.
nunca aprendo.
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 06.07.2016 às 12:05

Eu também cheguei lá. Só hoje, já tinha lido umas cenas sobre, mas não sabia o número da porta (nunca me preocupei). Hoje vi a personagem por cá e segui-a.
Já fiz cruz porque há coisas que me recuso a ler. Como diz a minha mai' nova (por tudo o que a repugna): cruzes e canhotos!
Imagem de perfil

De M.J. a 06.07.2016 às 12:09

é isso, fazer cruz.
esta minha mania de abrir os contentores...
culpa minha, culpa minha!
Sem imagem de perfil

De Dama de espadas a 06.07.2016 às 09:46

Li incrédula tudo o que se foi escrevendo por aí...
Segurei me para não escrever tb... Não tenho o dom da escrita como tu.. Podia contar a minha história mas nunca iria sair bem...
Feio muito muito o que foi atirado por aqui...
Ninguém escolhe ter uma depressão (pôs parto pre parto que se foda a altura) ninguém escolhe curar uma depressão ou viver com uma.
Eu tb sou uma lutadora (ahah posso não posso? Ou é só para a outra doença que está palavra se pode usar?)
E também tive um pôs parto complicado só que tive a sorte de ver que o caminho que seguia me levava para buracos fundos e devagar á minha maneira procurei outro rumo.
Um beijinho MJ
E um beijinho á mila e á mãe da mila. Que esta se consiga encontrar

Comentar post



foto do autor