Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




que durante meses, anos, dias infindos, acordei com o estomago em ácido, a respiração sem controle, o corpo em tremores.

que mergulhei na ansiedade, sem dó e deixei que, por momentos, me controlasse.

e que nesses meses, anos, dias não houve um segundo que não sobrevivesse a isso.

sempre.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:57



foto do autor