Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




parvoeiras.

por M.J., em 06.09.16

este blog começou porque uma pessoa parva, uma catraia mesmo parva, decidiu escrever as suas parvoíces para quem quisesse ler.

a parva escreveu e foi lida por mais gente do que alguma vez acharia. cada vez mais parva a pessoa parva que escreve esta parvoeira gostava muito de saber quem são os que acompanham a sua parvoíce desde há mais de um ano.

esta parvinha dá-vos conteúdo diário pelo que entende que não vos custaria muito acusarem-se, mesmo que não o façam por norma. 

é uma parvoíce importante. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:30


81 comentários

Imagem de perfil

De M.J. a 06.09.2016 às 15:45

podes apontar: um dia vou engolir palavra por palavra tudo o que escrevi acerca de putos e maternidade.
vai ser uma tal barrigada que só num hospital a coisa se resolve.

(obrigado. pensei que - quase - ninguém lesses os telgramas. pela hora, pela inutilidade, por serem absurdamente banais e quase íntimos.
Imagem de perfil

De O Coiso a 06.09.2016 às 15:51

Há uma coisa... Eu sigo-te no feedly. 80% dos dias não entro no teu blog. E leio-te das 9 às 21. Das 21 às 9 os blogs acabam para mim. Leio os (noi)telegramas pela manhã e faço uma retrospectiva de como foi a minha noite. E comparo (com as devidas diferenças fisiológicas...) que não somos assim tão diferentes. Apenas serei mais "vivo". Nisso és mais como a minha mulher :) E também comparo, claro.

Normalmente é isso que acontece. A malta vai cuspindo para o ar... E depois juntam-se todos os cuspos e levas com um banho da tua própria baba. Honestamente e devido à posição que tomas, espero que sim. Mas há opiniões que tens que se poderão manter. Aí cá estarei para te ler e opinar. Ajudar, se preciso for. Podes ter medo à vontade, que é normal!
Imagem de perfil

De M.J. a 06.09.2016 às 15:55

(os blogues com gente dentro - há blogues apenas com marcas/firmas dentro ainda que escritos por pessoas - têm essa capacidade: fazer pensar, comparar, pôr-nos na nossa pele. para mim é a única coisa que interessa num blog).

Comentar post



foto do autor