Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




o grande amor que dizem estar reflectido na imagem é:

- os putos a comer ou alguém sentir necessidade de fotografar de onde vem o que eles comem?

 

naom_582c15696470e.jpg

 

será o amor proporcional ao tamanho do frigorífico?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00


37 comentários

Sem imagem de perfil

De Olívia a 16.11.2016 às 12:05

Acho que trocaste a palavra "exibição" pela palavra "amor".
Não sei, parece-me.
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 12:20

diz que hoje em dia é ela por ela.
Sem imagem de perfil

De Bárbara a 17.11.2016 às 00:12

Mateus 7:1

(com o devido disclaimer que sigo à distância tanto o blog da Olívia como a situação do casal que conheço de vista)
Imagem de perfil

De M.J. a 17.11.2016 às 00:54

Ah a velha frase atirada à cara daquele que crê e emite opinião. Crente só deve opinar acerca de flores, pedras e sinos. É isso e estender a mão do segundo filho quando lhe cortam a mão do primeiro.
Sem imagem de perfil

De Olívia a 17.11.2016 às 09:16

Sim, julgar os outros é do pior.
No entanto, a minha opinião quantoa imagens de maminhas ao leu e bebés/crianças a mamar não tem nada a ver com julgar as pessoas; e publicar fotos em redes sociais é exibição, eu própria o faço.
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 18:52

quem é a Bárbara? e o Mateus? aquilo 7 e 1 é citação bíblica? e transcrevê-la aqui?
Imagem de perfil

De M.J. a 17.11.2016 às 19:02

qualquer coisa como "não julgueis para não serdes julgados" ou assim.
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 19:04

ora! (obrigada pela elucidação, MJ)
Imagem de perfil

De M.J. a 17.11.2016 às 19:06

concretiza o "ora".

(de nada, sempre ao dispor para os meus comentadores preferidos).
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 19:08

"ora" : e o próprio do Jesus? não julgou? ora! (obrigada de novo, MJ)
Imagem de perfil

De M.J. a 17.11.2016 às 19:09

boa questão. não sei. provavelmente só quando os chamou a todos de ignorantes, no pedido à mãe para os perdoar por não saberem o que faziam.
é a isso que te referes?
ao atestado de ignorância?
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 19:15

não era bem isso. a máxima do não julgar para blá blá blá tem a validade de uma frase pseudo-Pessoana no FB. é uma ideia estafada e oca. no fundo, como bastas vezes acontece nos blogs, a partir do momento que há exposição, é natural que haja reação. há que ter "corações de boi" para encaixar. ou lucidez para debater.
Sem imagem de perfil

De Filipa a 16.11.2016 às 12:16

Que gente...
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 12:21

qual das gentes?
Sem imagem de perfil

De Filipa a 17.11.2016 às 11:15

A gente que se dispõe a tirar estas fotos e a gente que acha tal coisa a maior prova de amor (a exibição não o ato em si).
Imagem de perfil

De Gaffe a 16.11.2016 às 13:02

Um dos miúdos não é demasiado grande para andar pendurado nas mamoconas da mãe?
Depois admiram-se quando o homem fica estrábico e com um sorriso de Trump.
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:16

diz que não.
li já, num desses blogs que ensinam o mulherio a ser mãe sem fundamentalismo algum (só que não) que há que dar de mamar enquanto o catraio assim quiser.
depois aparecem na fatinha (pela minha saúde se não vi isto há uns bons anos) numa reportagem a dizer:
o meu filho tem sete anos e ainda mama,
com o catraio em fundo, de pé, a sugar a mama da mãe enquanto faz os deveres da escola.
Sem imagem de perfil

De Cristina a 16.11.2016 às 18:35

também há uma foto assim, como uma forma de "statement" que assim é que é e mais nada.

(de 2013: http://www.huffingtonpost.com/2012/05/10/jamie-lynne-grumet-breastfeeding-time-magazine-cover_n_1506096.html )
Imagem de perfil

De Quarentona a 16.11.2016 às 13:58

Amamentei o meu filho durante cerca de 2 anos, era um momento tão nosso, tão íntimo e tão maternal, que eu própria me sentia incomodada de o fazer na presença de mais alguém. Nunca tiraria uma foto destas para o mundo, uma piroseira que dói.
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:16

caramba!
mas não há uma alminha que me venha aqui dizer caquilo é lindo?
já não se fazem comentadores como nos antigamentes :D
Imagem de perfil

De Cecília a 16.11.2016 às 14:17

amamentei a minha filha até aos 2 anos e uma semana. porque foi o melhor para ela. ponto.

além das mães eco, as mães mamalandia dão-me cabo dos nervos e distorcem completamente a beleza do que é simples e natural. não sei quem é pior: quem acha a amamentação em público algo nojento ou quem torna - pelo exibicionismo gratuito - a amamentação algo nojento.

Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:18

ora aí está.
praticamente tudo dito.

(o que são mães eco? as abolicionistas das vacinas?)
Imagem de perfil

De Cecília a 16.11.2016 às 18:30

sim, essas
Imagem de perfil

De Corvo a 16.11.2016 às 16:27

Já vi mais mamas em dois anos de blogs que em toda a minha longa vida de setenta e seis.
Oba, gente boa!
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:18

atenção que há mamas e mamas!
Sem imagem de perfil

De Cristina a 16.11.2016 às 17:00

isto é uma alarvidade.
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:19

o "isto" é a mama, a criançada a comer, a foto, o post ou os comentários?
;)
Sem imagem de perfil

De Cristina a 16.11.2016 às 18:32

"fazer" esta foto e torná-la pública.
Imagem de perfil

De Maria das Palavras a 16.11.2016 às 18:11

Estava lixada eu. Pouco amor teria para a troca
Imagem de perfil

De M.J. a 16.11.2016 às 18:19

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA.
e assim se remata a conversação.
Sem imagem de perfil

De Joana B. a 17.11.2016 às 12:44

estava aqui para escrever um comentário sobre o modo como a foto apareceu publicamente mas como ia dar uma grande volta e era capaz de ser um bocado confuso fico calada :)
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 18:53

então para que escreveu sequer?
Imagem de perfil

De M.J. a 17.11.2016 às 19:03

para nos levar a pesquisar ;)
Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 20:13

(trabalheira)
Sem imagem de perfil

De Joana B. a 17.11.2016 às 20:56

Cristina escrevi porque já não dava o ar da minha graça aqui à M.J. há alguns dias apesar de ela saber que eu venho cá todos os dias espreitar, mas nos posts de outros dias não tinha nada a acrescentar e por isso não comentei nada.
Neste post além de concordar com a M.J. acho também que a foto não deveria ter aparecido num jornal (que foi onde a vi pela primeira vez) pela descrição que a acompanhava, mas como era capaz de ser um bocado confuso escrever isso tudo aqui no blog não escrevi mais nada.
Agora para a Cristina perceber qual a minha opinião sobre a foto no jornal, a descrição da mesma era "pais de bebé que nasceu prematura no dubai e acabou por falecer, tiveram outro filho e decidiram partilhar esta foto a amamentar os dois filhos", o que eu acho é que isto não tem interesse nenhum para vir num jornal muito menos usando a bebé que faleceu para serem "conhecidos", porque se não fosse esse facto nós nem tinhamos conhecimento desta foto.
Esta opinião torna-se muito longa e talvez confusa por ser por escrito e por isso mesmo não a desenvolvi no meu primeiro comentário.

M.J. desculpa-me pelo testamento :)

Sem imagem de perfil

De Cristina a 17.11.2016 às 22:55

obrigada Joana. gostei de ler este seu comentário.
Sem imagem de perfil

De Joana B. a 18.11.2016 às 15:01

acho que por ser por escrito pode tornar-se um bocado confuso, se estivéssemos a falar cara a cara teria sido muito mais fácil explicar logo a minha opinião

Comentar post



foto do autor