Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




vai haver casório #23

por M.J., em 06.04.16

está tudo a dar uma trabalheira inimaginável e ainda nem decidimos a viagem. vai na volta e vamos mesmo pagar o triplo por uma ida ali ao lado a comer sardinhas assadas embrulhadas em jornal e arroz num tacho de alumínio.

é que não há pachorra.

perdi duas horas ontem à noite a escolher músicas. é na verdade aquilo que mais capta a minha atenção porque entendo ser uma parte importante. quer dizer, não me interessa muito se servem sardinha ou tamboril, vitela ou moelas mas interessa-me o que se ouve ao comer isso. que a animação tem todo um espectáculo mas exijo menos brincadeirinhas e tradições  e mais música da boa. diz o rapaz que é uma péssima ideia e que a meio vou conseguir adormecer os convidados mas não cedo nisso. 

cada casamento com as suas paranóias e esta é a minha.

o silent man, um moçoilo aqui destas bandas ajudou-me e tudo com sugestões (também vi todas as dos outros e gostei) e consegui introduzir uma coisa que queria e não sabia como. assim sendo, como somos todos amigos (somos nada, a maior parte de vós gosta tanto de mim como de couves podres e sei bem que só andam aqui à cata de parvoeiras para poderem rir com a boca toda aberta e dentes cariados à mostra) partilho algumas das que vão passar atendendo aos momentos:

* para assinalar aquela coisa de toda a gente se sentar e pegar na colher para enfardar a sopa.

* para o começo daquele momento em se reza para que não hajam espinhas que ninguém quer ir para o hospital com a garganta trespassada.

* para se alertar os convivas - que entretanto foram dar uma volta ao jardim - de que se vai ingerir proteína animal de quatro patas.

(os nerds vão entrar em delírio).

* o aviso aos diabéticos de que vem aí o festim.

 

agora não consigo decidir-me por aquela que acompanha o corte do bolo (não vou partir o desgraçado de mãozinhas dadas com troca de mãos em copos de champanhe. é que pirosada é uma coisa, pirosada em excesso pode matar-me), a dança (que acham desta?) e a entrada na quinta.

uma consumição.

 

depois tem sido um bico de obra conseguir convencer o mundo que não há cá tradição de amandar o bouquet (tenho um fim muito mais interessante a dar-lhe) ou aquela coisa da liga (que eu nem liga levo). mas o pior, o pior mesmo é o arroz. não quero arroz. acho ridículo estragarem-me o penteado. nem é por mais nada! anda uma pessoa a gastar balúrdios para ter as melenas mais ou menos e passado duas horas estragam tudo com quilos de arroz? era só o que faltava. dispenso o meu para os pombos.

estou mesmo a ver que se na porta vir alguém com ar de "anda cá que já te apanho" viro costas e recuso-me a sair da igreja.

era menina para isso, digo já.

 

enfim, seja como for, há ainda uma coisa a martelar-me o cérebro: gostariam de no dia, sim no próprio dia, ir tendo actualizações através de uma reportagem fotográfica exclusivamente pensada para vós (desta feita sem gozo) por uma das convidadas muito especiais?

quem quer que ponha o dedo no ar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

oh vai ver ali:

publicado às 11:25


14 comentários

Imagem de perfil

De Mula a 06.04.2016 às 11:33

Confesso que o "atirar" o bouquet também me anda a dar a volta ao estômago.... Eu não quero dar o meu bouquet a ninguém, eu quero ficar com ele. Diz a minha mãe que "ah e tal ele seca"... Mas deixa-o secar, que continuará lindo, ainda tenho o meu bouquet de finalista inteiro (tirando a cor falsa das rosas azuis que já se foi), e já se passaram 3 anos... Por isso não sei o que atirar em seu lugar.... Talvez um centro de mesa? xD

Quanto à reportagem em tempo real, parece me muito bem! :D
Sem imagem de perfil

De Silent Man a 06.04.2016 às 12:43

QUE BOM!!! Pegaste nas minhas ideias! E ainda usaste uma das minhas músicas. Já vi que temos temas semelhantes (o meu era mais focado e o teu mais genérico...) mas assim meteste músicas melhores que eu. Para entrada na quinta, se quiseres manter o tema, podes usar a música do Indiana Jones, que é bem bonita e apropriada, uma vez que te vais meter numa bela aventura. Também serve para a entrada na sala, se achares que fica melhor... Está aqui: https://www.youtube.com/watch?v=-bTpp8PQSog

A música da dança, convém ser uma música que diga algo aos dois. No meu caso, foi a primeira música a ser escolhida, antes mesmo da quinta. Foi escolhida exactamente no dia em que começámos a tratar das coisas para o casório (o dia em que decidimos as datas -principal e alternativa-, portanto) Só havia duas hipóteses. Ou a que ficou ou a Bô Tem Mel. Foi fácil de escolher né?

Quanto ao bouquet, a T mandou fazer dois iguais e um deles lá está em casa. Pode ser uma ideia a ponderar, tanto para ti como para a Mulinha do corazón.

Reportagem fotográfica no dia do casamento? Hell Yeaaaaah!
Sem imagem de perfil

De Me a 06.04.2016 às 17:54

A maioria das pessoas q conheço tiveram dois bouquet, um giro (caro por norma)q foi o q levaram, outro mais rafeirito (leia-se barato, algumas até conseguiram oferta das floristas) para atirarem. ;)
Imagem de perfil

De marrocoseodestino a 06.04.2016 às 12:30

Se não fosse tu e o teu blog eu desconhecia que casar actualmente dá tanto trabalho. Até as escolhas da musica?
Adorei a Pnultima. Gosto de coisas assim animaditas.
Quanto à reportagem... (estou de dedo no ar).
Depois de ler o que tens moído o cérebro e a carteira à conta da festa, já estou a mudar o desejo que querer despachar a minha filha. Stressada como sou e agarrada ao dinheiro ainda me dá um treco antes de a entregar ao futuro marido.
Imagem de perfil

De Just_Smile a 06.04.2016 às 13:25

A música do corte do bolo não poderia ser mais animada? É que isso parece-me deprimente :P As restantes acho fantásticas e perfeitas para o momento :D
Acho que do arroz na testa não te vais safar...
CLAAAAAAARO!
Imagem de perfil

De M&Ms a 06.04.2016 às 15:21

Impecável a escolha dos 4 temas para acompanhar as refeições! TOP!!!
Sem imagem de perfil

De Paula Lima a 06.04.2016 às 15:36


Venham as fotos!~
(no meu só ouve conversa, mas os senhores lá do sítio fizeram questão de por a marcha nupcial para eu entrar na sala dos comeres - quase tropecei!)
Sem imagem de perfil

De Joana B. a 06.04.2016 às 16:15

eu quero a reportagem
Imagem de perfil

De José da Xã a 06.04.2016 às 16:48

Uma sugestão: que tal um cartoonista para fazer umas caricaturas dos convidados?

Dei esse brinde no casamento do meu filho e foi um sucesso!
Quanto ao resto os convidados só querem comer e beber até cair para o lado! Ao fim de uns minutos nem ouvem a música!
Sem imagem de perfil

De Me a 06.04.2016 às 17:58

Opa, meteste big bang e star wars...o meu coração derreteu ;)

Tem tudo para correr bem ;)

Uns amigos meus eram no local da recepção com AC/DC e foi impec ;)

GIro é fazeres assim. Cá coisas paneleiras e igual a todos os outros.
Sem imagem de perfil

De Cristina a 06.04.2016 às 20:43

reportagem em tempo real: sim! :-D
a ideia aqui mencionada relativamente aos bouquets é boa, eu acho.
em vez de arroz, pétalas de flores :-)

(e o instagram? hum?)
Sem imagem de perfil

De Magui Ferreira a 06.04.2016 às 23:23

Dedo no ar, mas aviso já que dispenso as cenas da noite de núpcias, para trauma bastou a minha que a merda do vestido tinha 500 botões e eu mortinha de cansaço e de sono, jasus !















Comentar post


Pág. 1/2



foto do autor