Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




sofro daquilo que algumas pessoas designam por fome emocional.

eu chamo-lhe fraqueza e falta de vontade mas não me importo que amenizem a coisa com palavras mais suaves. 

 

é certinho, direitinho:

na primeira contrariedade a coisa que mais rapidamente me vem à cabeça é açúcar. seja do escuro, do claro, do refinado, do outro. não interessa. venha em bolos, em fruta, em chocolate, em natas do céu, em pão de ló, em ovos moles ou bolachas.

açúcar surge-me como um prazer inigualável na resolução dos meus dramas, das minhas dúvidas existenciais, dos meus medos, das minhas tristezas e, sobretudo das minha ansiedades. 

a culpa é minha evidentemente, mesmo sabendo que é um vício (assumo-o como tal) e que preciso de uma enorme força de vontade para o combater. 

 

o açúcar tem em mim o efeito de um prazer imediato. de um prazer a sério. que me traz uma rápida satisfação e me leva a conseguir sentir melhor com as situações onde estou envolvida.

se essa não é a definição de vício não sei qual seja.

na melhor das hipóteses consigo combater a vontade. distraio-me, penso em outra coisa, faço algo. no aceitável substituo a vontade por algo menos calórico e um pouco mais saudável: fruta cortada aos bocadinhos ou desidratada, snacks com adoçantes em vez de açúcar, iogurtes sem açúcar, compotas sem açúcar, frutas com canela em vez de açúcar, enfim, o que me lembrar. na pior das hipóteses transformo-me num mini aspirador e vai o açúcar todo que encontrar.

é verdade, não vale a pena fingir que não.

 

a culpa que sinto depois de me encharcar em porcarias é enorme.

e ainda que saiba que a culpa é um sentimento inútil, neste caso cultivo-a. no tempo em que não sentia absolutamente mal nenhum por me encharcar em açúcar a obesidade era uma constante e isso teve sérias consequências. 

há quem fale em falta de crómio ou em falta de exercício físico. eu falo em incapacidade de cortar o mal pela raiz. estive um ano, um ano inteirinho sem tocar em açucar refinado. numa espécie de "eu consigo". como quem decide parar de fumar e deixa-se ir até ver onde aguenta. um ano inteiro em que deixei de sentir falta. depois, num belo natal fui na cantiga de que um dia não mata e nunca mais voltei ao que era. é uma bolachinha com o café, depois de almoço, porque ajuda a passar o dia. um chocolatinho, depois de jantar, porque até uma série fica com mais cor. um pão de ló com ovos moles no fim de semana, porque um dia não são dias. um chocolate ao lanche porque a tarde está a ser uma merda e só me apatece dormir. 

para onde quer que olhe há açúcar. 

e eu sou uma espécie de toxicodependente que não consegue controlar-se e anda pelas esquinas à espera da próxima dose.

que tristeza pá.

já abriam uma clínica de reabilitação para isso.

ou criavam uns adesivos para pôr nas nádegas, sei lá.

 

alguém mais sofre do mesmo mal? 

Autoria e outros dados (tags, etc)

oh vai ver ali:

publicado às 15:45


23 comentários

Imagem de perfil

De Me, myself and I a 20.02.2017 às 16:02

Infelizmente sofro...associada a uma enorme falta de vontade e uma fraqueza geral!
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:43

isso é uma combinação estrondosa. da qual eu sofro.

(achas que me podias mandar um mail com detalhes da tua operação?)
Imagem de perfil

De Genny a 20.02.2017 às 17:13

Eu! tal e qual.....
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:45

olha que bom.
Imagem de perfil

De Olívia a 20.02.2017 às 17:19

Sofro do mesmo mal... lá em casa era um tormento, todos gulosos, uma única pessoa que engorda por todos, depois comecei a comprar menos doces - não há não se come - houve uma altura em que tomei um inibidor qualquer, aquilo transmitia ao cérebro que eu não tinha fome. E funcionou. Mas era uma mentira.
Sim, sou uma Açúcarodependente. Quando começam as reuniões?
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:46

quero lá saber se é mentira. tu diz-me já o nome desse inibidor, faz favor.
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 13:58

e inibia-te mesmo a vontade de comer?
Imagem de perfil

De VeraPinto a 20.02.2017 às 18:26

Cria uma associação. Eu sou assumida no vício. Quando alguma coisa corre menos bem, ou é mais stress, é chocolate, açúcar, venha tudo tudo a mim.
E depois engordo 6 kg em 6 meses. pudera.
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:46

seis quilos em seis meses não é o pior que já engordei.
Imagem de perfil

De Quarentona a 20.02.2017 às 19:34

Agora deixaste-me preocupada... sempre achei que era uma gulosa do pior e afinal sou uma emocionalmente faminta...
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:47

acho que o teu caso és a primeira.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 20.02.2017 às 19:59


Considero-me um pouco gulosa, mas contenho-me.
Substituo os doces de pastelaria, sobretudo, por fruta.
Se tenho chocolate em casa, como um pedacito depois do jantar. E consigo controlar comer mais ou todo.
Mas as 6 ou 7 bolachas Maria com o leite ou chá da noite, não dispenso.


Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:47

as bolachas maria não são nada saudáveis.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 21.02.2017 às 18:15

Acho que depende das nutricionistas.
A bolacha Maria foi-me aconselhado, há uns anos, por uma.
Bem, não posso sem comer umas bolacha, vou ter de procurar as mais saudáveis ( se é que há).
Imagem de perfil

De Sofia a 20.02.2017 às 23:20

Guilty!
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:47

mais uma. isto podiamos fazer um clube.
Imagem de perfil

De Sofia a 15.03.2017 às 23:52

A.A. - açúcardependentes anónimos , Com direito a Reuniões mas em vez do café e bolachas teríamos apenas direito a água e cenouras.
Imagem de perfil

De Francisca a 21.02.2017 às 09:37

como eu te entendo! quando digo que sou viciada em açúcar ninguém acredita.
e está a ser muito difícil combater este vicio. mas eu sei que vou ser capaz, nem que seja durante uns dias!!!
Imagem de perfil

De M.J. a 21.02.2017 às 12:48

pelo menos uns dias, já é o principio.
Imagem de perfil

De Sarah a 21.02.2017 às 14:44

Sofro do mesmo.
É uma vontade que não se explica......deve ser a mesma coisa que os "desejos das grávidas". Já saí de casa para ir comprar doces....
Imagem de perfil

De M.J. a 22.02.2017 às 10:22

oh... sair de casa para comprar doces não foi o pior que já fiz por causa do vício ;)
Imagem de perfil

De Novembro a 22.02.2017 às 16:00

Onde fica a Secretaria? Reúno as condições para inscrever-me no clube.
Pagam-se cotas?

Mas aviso desde já, ninguém me tira o meu chocolate de leite. E não venham com conversas para comer apenas 1 quadradinho. Eu como 1 tablete inteira, sempre que me apetecer. E apetece-me com muita frequência.
Tenho dito!

Comentar post



foto do autor