Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




a questão é

por M.J., em 30.09.16

que se aquela coisa pequenina te incomoda grandemente,

e se dizes à pessoa em questão isso mesmo,

e se a pessoa  pede desculpa mas continua a fazer a coisa pequenina,

e voltas a falar da coisa tiquitita (é de propósito tááááá? não precisam vir já mencionar a minha enorme falha),

e cada vez que dizes e falas a coisa pequenina fica um bocadinho maior,

e a coisa insignificante é repetida porque a outra pessoa a assume como isso mesmo,

e tu insistes que te incomoda e ela continua a fazer, por mais que digas...

 

...das duas três:

 

* tentas com que não te incomode porque afinal é uma coisa pequenita.

* insistes até que a outra pessoa pare porque mesmo pequenita incomoda. 

* desistes e um dia, quando acordas, a coisita pequenita explodiu, ao jeito de coca cola com mentos e quando dás conta no meio de ti e da outra pessoa é só gás e espuma da explosão e aquela coisita pequenita, tão pequitita é agora a responsável pelo fim.

 

adivinhem lá em qual me insiro.

(só se quiserem vá, que ninguém é obrigado a nada.)

publicado às 14:01


11 comentários

Imagem de perfil

De Gaffe a 30.09.2016 às 14:25

A explosão.
... e a coisa tiqutita continua ali ... a olhar para nós ... ilesa ... puta ...
Imagem de perfil

De M.J. a 30.09.2016 às 15:13

e essa é que a essa. a filha de mil pulgas permanece.
Imagem de perfil

De Mula a 30.09.2016 às 14:31

Eu cá sou das chatas... insisto, insisto, insisto... E no dia que eu desistir, então não é preciso explodir nada, porque significa que já explodiu o suficiente.

Acredito que vás "[tentar] com que não te incomode porque afinal é uma coisa pequenita." Se assim for, força. Mas não sei se resulta.
Imagem de perfil

De M.J. a 30.09.2016 às 15:14

isso era o que eu queria mas sou mais de desistir até explodir (até rimou). o comodismo que se mova nas veias tem destas coisas.
uma valente trampa.
Sem imagem de perfil

De p a 30.09.2016 às 14:48

A opção 3
Sem imagem de perfil

De sal a 30.09.2016 às 15:18

Deixei há pouco tempo para trás uma amiga de alguns anos num cenário desses. Não ficou propriamente o gás mas nunca mais na vida dela se atreverá chegar perto. Avisei muitas vezes, pedi outras tantas, manteve o comportamento... A andar!!!!!
Sem imagem de perfil

De Joana B. a 30.09.2016 às 15:30

acho que te inseres na 3ªopção
eu sou capaz de insistir, insistir, insistir e de repente explodir
Imagem de perfil

De Pandora a 02.10.2016 às 21:53

Sabes, tiraste-me as palavras dos dedos, aquelas que no meio da minha explosão da semana passada me atiraram para um silêncio desolador.
Vou linkar o teu post, posso?
Imagem de perfil

De M.J. a 02.10.2016 às 22:01

Podes pois. :)
Imagem de perfil

De Pandora a 02.10.2016 às 22:15

Já está

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada