Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"depois de se entrar numa decisão destas não é, na minha perpectiva, admissivel longas noites de saídas com amigos até ás tantas. nem loucuras desenfreadas de incertezas de vida. não é, no meu entender, admissivel os longos queixumes de que a vida não tem sentido.

o casamento para mim é, talvez aqui sim numa versão romanceada, a visão de duas pessoas seguras, certas, adultas, que sabem o que são, quem são, para onde caminham e o que querem. com segurança. certeza. tranquilidade. sem vacilar. casamento é a decisão suprema de comunhão de vida com alguém. sem dúvidas. nunca. jamais. 

não se toma num momento de amor exacerbado, achando que é para sempre e vai haver muitas rosas."

 

03/2014

 

atão não, rapariga?

é isso e a tua bexiga nunca te deixar ficar mal!

 

*que sim, contradigo-me que é uma maravilha. mas assumo. e vocemecês? assumem a merda que pensaram ou preferem fingir que foram sempre perfeitinhos, com a graça de deus nosso senhor jesus cristo?

oh vai ver ali:

publicado às 11:15


5 comentários

Sem imagem de perfil

De sarabudja a 08.09.2016 às 11:33

Xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.... domingo está atenta à missa dominical. Papa Francisco vai beatificar Sarabudja, a perfeita.
Só me faltam três rugas, o sari e dois centímetros de marreca para ser como a Madre Teresa, ou duas ou três dioptrias no direito para ser como a Lúcia.
Sem imagem de perfil

De Olívia a 08.09.2016 às 15:48

Posso não ter engolido as palavras escritas porque apenas as mandei ao ar... mas sou menina para ter engolido dezenas e dezenas de palavras, frases e pior... pensamentos que um dia jurei serem os certos...
Sim, eu não sou gorda, isto é inchaço de tanta coisa ter de engolir, em seco!
Imagem de perfil

De Mula a 10.09.2016 às 15:41

Eu cá não coloco mãos nem palavras no fogo por ninguém... nem por mim própria. Quantas vezes fiz coisas que tanto acusei nos outros? Quantas vezes fiz e disse coisas que jurava a pés juntos nunca fazer ou dizer?... Realmente, quem mais jura mais mente... ainda que inconscientemente.
Imagem de perfil

De Sarah a 12.09.2016 às 13:12

Eu até era uma dessas nojentinhas. Até que 2013 aconteceu e levei tanta lambada no focinho que fiquei a olhar de lado até junho de 2014.
Agora, estou muito mais beatificável do que nessa altura
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 12.09.2016 às 14:28

Eu estava a ser irónica.
Se eu cuspisse cada palavrinha que já tive de engolir, pareceria um gato persa com 200 anos a cuspir todo o pelo acumulado em duas centenas de aniversários.

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada