Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Não há volta a dar

por M.J., em 26.08.16

Por mais adulta que seja serei sempre a triste que não se adequa ao ambiente nos primeiros dias, ficando a olhar os grupos que se formam entre os iluminados da simpatia. Será porque reviro muito os olhos? Ou porque mantenho aquele ar "se te aproximas mordo?" Mas até rosnei um bom dia...

publicado às 11:10


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Susana a 26.08.2016 às 11:34

Como me identifico....
Imagem de perfil

De M.J. a 29.08.2016 às 17:50

há alguma poção mágica para resolver a coisa?
Sem imagem de perfil

De Susana a 29.08.2016 às 18:27

Não sei, mas acho que não quero. Assim afastamos alguns indesejados e só ficam mesmo os que realmente têm interesse em conhecer-nos e nos querem bem.
Sem imagem de perfil

De conta corrente a 26.08.2016 às 13:20

Tenho malta que afirma a pés juntos que de manhã, devido à minha incapacidade de relaciomento, eu rosno.
Imagem de perfil

De M.J. a 29.08.2016 às 17:51

eu rosno, grunho, ameaço mordidelas :D
Sem imagem de perfil

De OKaede a 26.08.2016 às 13:58

Cá para mim a tua incapacidade revela a falta de saberes usar uma máscara. Os iluminados da simpatia muitas das vezes ou trabalham com uma indiferença brutal e por isso parecem ser simpáticos, ou tem uma máscara velha e deformada para mostrar sorrisos. A minha máscara já está gasta, tenho que comprar uma nova.
Mas isto também é um bitaite de uma pessoa que lhe falta descer a serra :)
Imagem de perfil

De M.J. a 29.08.2016 às 17:51

se encontrasse uma boa máscara que me servisse...
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 29.08.2016 às 11:18

E não dás por ti a fazer telenovelas na cabeça? A perceber por que é que a chata que tem o marido finguelinhas é tão animada? Ou a perceber como é que o moço jeitoso é tão paciente com os miúdos, apesar de eles serem uns diabretes?

O Sarabudjo diz que eu talvez precise moderar a espontaneidade. Digo "nãos" muito secos.
Imagem de perfil

De M.J. a 29.08.2016 às 17:52

DOU!!!!!!

faço mil filmes. às vezes nem consigo desviar o olhar o que, sejamos sinceros, se torna constrangedor quando o alvo percebe.

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada