Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




o "michel tu vas tomber" tenho - pasmem-se - a capacidade de sentir empatia por aqueles que sentem saudades das saudades do tempo em que não havia saudades porque se estava em casa.

 

até para o ano a quem vai. 

publicado às 14:30


6 comentários

Sem imagem de perfil

De sarabudja a 31.08.2016 às 15:06

Soubesses tu o que realmente custa ir...
Até se me saltaram lágrimas aos olhos e amarrou-se-me a garganta. Ó dolorosos dias. E olha que tinha uma vida no paraíso.
Hoje em dia, só viajo de avião nas férias, e o aeroporto é um sítio deprimente. Choro sempre.
O Michel tu vas tomber, meu caraças, não é tanta vontade de se evidenciarem. É o resultado de 300 e tal dias a falar outra língua e, de repente, estar cá. É o francês, inglês, alemão.... aprendido no dia a dia, até com os miúdos. E é toda uma vida a pensar em português. Sobretudo a sentir em português. Por isso é que as interjeições, os desabafos, saem na língua materna.
(quando te irritas, não te sai um sotaque do lugar onde cresceste mais carregado?)
Imagem de perfil

De M.J. a 01.09.2016 às 09:28

sai sim senhor. um sotaque cerrado, amarrado, trocando letras e sons.
um sotaque quase da alma.

(nunca tinha pensado nisso. obrigado).
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 01.09.2016 às 09:47

Eu penso muito nestas coisas.
De nada!
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 31.08.2016 às 22:20


Caramba, MJ, escutando Amália, dá-me saudades da minha mãe.
Imagem de perfil

De M.J. a 01.09.2016 às 09:28

amália é ela própria saudades.
Sem imagem de perfil

De RC a 07.09.2016 às 04:53

Eu sei de saber é sentir todos os dias, que não sou uma emigrante normal. Talvez por ter emigrado por vontade própria, por ter tido exemplos que me mostraram que a única forma de se ser feliz é fazendo nosso o país onde se vive e poder voltar ao país onde se viveu 40 anos ou ao outro onde se viveu apenas 3 e saber que se está bem no que se acabou de chegar há apenas 1 ano.
Não me consigo imaginar a viver sem ter o meu coração e a minha alma comigo e por isso já fui acusada de ser desapegada. Desapegada mas feliz ;)

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada