Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O passado bate-me de frente

por M.J., em 10.09.16

Em laivos de verde água e é como se fosse atingida por uma ambulância, numa turbulência desenfreada, tremendo das pernas e vomitando palavras sem sentido, frases desconexas e ideias ridículas numa cocofonia sem fim. Deus. Que idiota chapada. Chapada: o que eu merecia. Bem dada. Mais do que uma.

publicado às 22:00


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Filipa a 10.09.2016 às 23:03

Acho que o passado está todos os dias à nossa frente, o que muda é a nossa força que faz com que o consigamos vencer, mas ela de quando em vez some-se.

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada