Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




São oito da noite

por M.J., em 24.05.16

Calcorreei praia virgem.

Tive uma menina de um ano cheia de tranças no cabelo sentada no meu colo sem eu pedir, apenas porque se agarrou às minhas pernas sem medo.

Temos comido como se o mundo fosse só hoje.

Há um escaldão nos ombros e o tempo caminha em passo lento e escuro, gingando ao som da música que entoa e lembra luz e sol, sal e mar.

Há uma simplicidade mesmo no olhar daqueles que vestindo a farda no hotel são ensinados a ser diferentes.

Paramos na povoação mais velha da ilha.

Cinco crianças brincavam com dois cães. Sorriam com os olhos e o corpo.

O tempo demora.

As nuvens correm.

Estou apaixonada.

As coisas pequenas da vida todas completas em gargalhadas de sol.

publicado às 22:15


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Susana a 24.05.2016 às 22:59

Deve ser uma óptima experiência :)
Continuação de boas férias! Aproveitem bem e divirtam-se :)
Imagem de perfil

De (des)Esperança a 25.05.2016 às 09:21

tão bom ver-te feliz....
Sem imagem de perfil

De sarabudja a 25.05.2016 às 09:29

Chama-se a isso sabura e morabeza.
Há uma felicidade impregnada na simplicidade (se realmente vivida e entendida nos acasos).
Aí poderás ver um céu cheio de estrelas como em poucos outros sítios vi. A lua tem um papel majestoso no cenário.

Acho que gosto ainda mais de ti por perceberes o que eu sinto aí.
Imagem de perfil

De M.J. a 02.06.2016 às 12:03

percebo o sentimento.
fartei-me de pensar em ti.
Imagem de perfil

De José da Xã a 25.05.2016 às 15:32

As coisas boas da vida não são as que existem mas aquelas que vivemos.
Autor: eu!
Boas férias

Comentar post



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada